Edwin Ng’uni fundou a Simoonga Thandizani Trust School em 2010 com 5 crianças ao perceber que muitas delas ficavam a vaguear nas ruas, uma vez que os pais não tinham condições financeiras para lhes dar acesso a educação.

Em 2017 a escola foi visitada por Tammy Farley, uma turista que ficou impressionada com o bom trabalho que Edwin estava a fazer na aldeia e começou a financiar a escola regularmente desde então.

Hoje a escola tem salas de aulas permanentes desde a pré-primária até ao 7º ano, contando com mais de 400 crianças e 25 funcionários, entre professores e equipa de apoio.